Fernanda Pietragalla
Expressamos na escrita, o que possuímos na alma.
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos

VEM
VEM


Vem neste momento
Aquecer
Meu coração gelado assim
Vem, neste momento
Dizer-me que a esperança existe
E que suas mãos não me abandonam
Que para mim ficam estendidas

Vem, mais uma vez pra me lembrar
Que o Sol brilha mesmo na chuva
Que a escuridão certa hora se dissipa
E as histórias de amor
Não são somente quimera

Diz que o amor e mais que uma palavra
É tradução do inconsciente
E minha  espera cansativa
Tornou-se, agora , inativa

Quando seus olhos encontraram os meus
E os meus, nos seus, assim repousaram
Trouxeram alívio para o cansaço
Da espera que, insana , se tornara

Vem, já não há medo
Fica ao meu lado, até que adormeçamos
E pela manhã, só acordamos
Pelo calor do nosso abraço
Vem...
Vem !
Fernanda Pietragalla
Enviado por Fernanda Pietragalla em 24/09/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Fernanda Pietra www.fernandapietra.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários